Prosa@Poesia

A palavra paz

Luana Bonone Publicado em 17.04.2009

*

É neste momento em que a ausência pesa como morte
...insuportável, gera dor física

É quando os sentidos parecem não funcionar para o mundo
Funcionam apenas para agudizar uma dor pungente
que, vindo da alma, toma absolutamente todos os músculos e os retorce

É neste preciso momento que um certo sorriso me arrebata
e me lança contra a parede da saudade

A violência do encontro faz respingar mil beijos calorosos
em cada expressão da sua face risonha

E, passada a intensidade,
Vem o momento em que o verbete "paz" adquire um sentido
que extrapola a burocracia do Aurélio



 Luana Bonone, jornalista e estudante de administração. Diretora de Comunicação da ANPG. É da direção nacional da União da Juventude Socialista - UJS. Publicou ''Garazilda e a Santa Voz'' (1993).